quarta-feira, janeiro 28, 2009

Um bom investimento da UFPel

no blog Amigos de Pelotas

Ars Longa
Colunista de Cultura

O salão de concertos do Conservatório de Música de Pelotas leva o nome de seu diretor mais destacado, o pianista Milton Figueira de Lemos (1898-1975), que veio do Rio de Janeiro em 1923 para dirigir a escola fundada aqui em 1918. O professor exerceu essa função até 1954, quando obteve aposentadoria por tempo de serviço, mas seguiu trabalhando em Porto Alegre mais um tempo, para finalmente ir morar em sua terra natal.
Foi durante sua gestão que o prédio foi reformado, de 1939 a 1941, e o antigo auditório teve sua capacidade ampliada para receber 350 pessoas. Na época, todas as aulas e espetáculos foram transferidos para a Biblioteca Pública Pelotense.

Hoje, os móveis que serviram por 67 anos foram retirados e serão substituídos por uns modernos, cômodos e silenciosos. A mudança estava pensada para o verão passado mas foi sendo adiada. Na comemoração dos 90 anos, em 18 de setembro passado, o compositor Rogério Constante prestou homenagem ao ranger das cadeiras, com o Estudo Eletroacústico nº 8, e na ocasião essa música dialogou com o ruído real da velha madeira. Nessa despedida, o ranger deixou de ser simples ruído e foi incluído como elemento musical concreto.

O presente de aniversário para o Conservatório foi um piano novo, inaugurado um mês antes com um concerto especial. Em setembro, o reitor Borges anunciou que o prédio da antiga alfândega faria parte da Universidade, para salas de aula, depósito de materiais e arquivos e, eventualmente, para apresentações artísticas – mantendo a atual sede e o Salão Milton de Lemos. Ele também comentou, privadamente, que não se opõe a que o Conservatório ocupe também o piso térreo da velha casa da Félix da Cunha, de propriedade municipal, o que, segundo ele, somente depende de boa-vontade e de acordos políticos.


Com seu jeito caladão, o pesquisador Ars Longa circula pelos espetáculos, analisando a Cena Cultural. A coluna de Ars sai toda sexta. Mas ele sempre dá jeito de oferecer mais de seu talento observador, mandando textos para outros dias.

Um comentário:

Yimi Walter disse...
Este comentário foi removido pelo autor.

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin

Clube da Mafalda

Clube da Mafalda