quinta-feira, maio 31, 2007

compramos um lhasa apso!

no domingo, fomos à camaquã buscar o cachorrinho. era de um canil de gravataí. parece um ursinho, uma pantufa preta, uma bola peluda que anda! eu adorei, pedro adorou, gabriel adorou, a nossa cachorrinha saiu da depressão...

a família se reestabelece.

"No passado, propriedade exclusiva dos religiosos e dos nobres, o lhasa apso guardava os templos e mosteiros do tibet. Além de sua função de sentinela, acreditava-se que este cão trazia sorte. Era crença geral que após a morte, a alma do dono encarnava-se em seu cão. Por esta razão o lhasa apso era considerado um animal sagrado. O nome deriva de lhasa, capital do Tibet, a palavra "apso" significa sentinela que late. O lhasa apso formou-se através do cruzamento entre o terrier do tibet e o spaniel tibetano. Pela sua estatura pequena, o seu caráter simpático e beleza física em seguida conquistou a simpatia de todos como excelente cão de companhia e guarda. no seu país de origem, pelo menos até a anexação à república popular chinesa, vivia nos mosteiros e os exemplares mais bonitos e valiosos, encontravam-se no "potala", o palácio do dalai lama, e nas casas de ministros e outras pessoas de posição. era impossível obter um exemplar por dinheiro; excepcionalmente, como prova de especial benevolência, podia ser presenteado. também na china, na corte imperial, os que chegavam do tibet eram tidos como oferendas tributárias sendo bem aceitos, e contribuíram para formar a raça shih-tsu. http://www.saudeanimal.com.br/lhasa.htm

2 comentários:

giana disse...

são lindinhos mesmo!!! e com essa história, gostei mais ainda! não tem foto?
beijos

Ana disse...

Que ele alegre muito a todos vocês!

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin

Clube da Mafalda

Clube da Mafalda