sexta-feira, dezembro 15, 2006

Seção Prosa e Poesia: Adélia Prado

Impressionista

Uma ocasião,
meu pai pintou a casa toda
de alaranjado brilhante.
Por muito tempo moramos numa casa,
como ele mesmo dizia,
constantemente amanhecendo.

Que 2007 "amanheça" também num alaranjado brilhante, com novos sonhos, realizações pessoais e profissionais, e muita felicidade!
(obrigada, Joana querida, pela mensagem! achei tão linda que postei aqui tambem...)

Um comentário:

Igor Simões disse...

Isa amada,

Bom saber de ti, da tua vida, da beleza dos guris...
Sim, estou muito feliz...Acho q as coisas parecem criar uma cara de metamorfose para as artes em Pelotas...
Nunca tenha receio de me ligar...estou louco de trabalho...m,as te adoro muitíssimo e estoui com saudades da tua fala, da tua ironia, daquela tua cara de "igor" me chamando para sair dos meus muito operísticos "dramas pessoais" heheheh!!!
Saudade e antes de 2006 dobrar a esquina ...nos encontramos apenas para sermos felizes e jogar conversa fora...)

Ah...olha só: resolvi postar aqui , não por coincidência, mas porq este é meu poema preferido da adélia prado...foi o primeiro dela que li numa edição antiga de uma revista de literatura e assim comecei a procurar por ela e descobri sua obra!!!
Lindo e laranja e amanhecedor!!!
Bjs

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin

Clube da Mafalda

Clube da Mafalda